Ciclo de Gestão de Desempenho marca um novo momento na vida funcional do servidor público

Campo Grande (MS) – Tendo como uma de suas principais diretrizes a valorização do servidor publico, o Governo do Estado por meio da Secretaria de Administração e Desburocratização (SAD) lançou nesta quarta-feira (10) mais uma etapa do Programa de Gestão por Competência, o Ciclo de Gestão de Desempenho dos servidores públicos civis de Mato Grosso do Sul.

Considerada a principal fase do Programa de Gestão Por Competências, o Ciclo de Gestão foi lançado em 2015 pelo Governo Estadual como nova política de gestão de pessoas. Representando o Governador Reinaldo Azambuja, o Secretário de Governo e Gestão Estratégica, Eduardo Riedel destacou a importância da iniciativa, que já vem sendo desenvolvida e pretende se estender de maneira permanente, como parte da política de valorização dos servidores públicos da atual gestão.

“Ao abordar a gestão por competência estamos falando de uma reestruturação completa de cultura, de entrega, de participação do servidor. É um conjunto de ações desenvolvidas pela equipe da SAD, junto com os sindicatos e servidores – formalizadas hoje, mas desenvolvidas há tempos como projeto piloto. Um programa já funcionando, em andamento e em aprimoramento – como é necessário, afinal nenhum programa nasce pronto. E buscamos conduzir essa, assim como as demais ações deste governo, seguindo o princípio básico que é o da transparência com o uso dos recursos públicos” pontuou Riedel.

Já o titular da SAD, Carlos Alberto de Assis enfatizou a participação de gestores e representantes dos sindicatos na construção e implantação da meritocracia. “Esse é um momento histórico que irá mudar efetivamente a forma do Governo de lidar com os servidores. A Gestão Por Competência foi trabalhada a varias mãos, e chegou até aqui na base do diálogo, planejamento e melhorias. Parabenizo o governador Reinaldo Azambuja pela coragem de quebrar paradigmas e dar início à construção de uma nova cultura na gestão publica. Esse ciclo fara com que gestores e servidores possam trabalhar em equipe, mapeando as competências, fazendo um planejamento das entregas e em consequência fazendo melhores entregas para a população” ressaltou Assis.

Representando os servidores a Presidente do Sindicato dos Trabalhadores e Servidores Públicos Da Administração (Sindsad) Lilian Fernandes falou sobre a expectativa das categorias em torno do Programa de Gestão Por Competências. “Por estar prevista em lei e sempre gerou muita expectativa para nos servidores, e por muito tempo foi uma bandeira de luta das entidades sindicais. Este Governo teve a coragem para começar esse processo, e cabe a nós servidores, sindicatos e governo trilhar esse caminho. Nosso reconhecimento ao Governo do Estado! Não poderia deixar de ressaltar que todo esse processo até a redação final do decreto que regulamenta a avaliação do desempenho do servidor foi discutido a amplamente e construído através de muito dialogo com os sindicatos” enfatizou a presidente do Sindsad.

O Ciclo de Gestão de Desempenho é composto por 4 fases, sendo a primeira delas a elaboração do Plano de Gestão de Desenvolvimento Individual (PGDI) que conforme o cronograma deve ser preenchido até o dia 12 de junho. As próximas fases são; 2) Acompanhamento do PGDI, onde será identificado o andamento do que foi planejado, quais os avanços e as dificuldades encontradas. 3) Avaliação de Desempenho Individual (ADI) será a fase de avaliação mutua, onde o servidor será avaliado pelo seu chefe imediato, e a equipe avalia o chefe. 4) Desenvolvimento do Servidor será a ultima etapa onde todas as fases anteriores serão analisadas e validadas.

Para mais informações procure o setor de Gestão de Pessoas do seu órgão ou acesse www.gestaoporcompetencia.ms.gov.br.

Mireli Obando, Secretaria de Administração e Desburocratização (SAD)

Fotos: David Majella