MS estuda implementar ferramenta digital para agilizar convênios

Campo Grande (MS) – Na Sala da Situação, na Governadoria, técnicos da Secretaria de Estado de Governo e Gestão Estratégica (Segov) participaram de uma videoconferência nesta quarta-feira (11.4) com servidores do Núcleo de Convênios da Secretaria da Casa Civil e Desenvolvimento Econômico do Estado do Rio de Janeiro para conhecer o Converj – o sistema de convênios usado por aquele Estado.

Gerida pela Secretaria da Casa Civil e Desenvolvimento Econômico do Estado do Rio de Janeiro, a ferramenta digital facilita o acompanhamento de parcerias que visam a transferência de recursos financeiros do governo para municípios.

De acordo com o superintendente de Gestão da Segov/MS, Thaner Castro Nogueira, Mato Grosso do Sul está conhecendo sistemas como o do Rio de Janeiro para encontrar um caminho para gerir melhor as emendas e repasses aos municípios.

A ideia é usar o sistema sem ônus de implantação em MS.

Na prática, o sistema permite maior agilidade e transparência ao processo de liberação de recursos para Municípios e Organizações da Sociedade Civil. “Estamos estudando a possibilidade de parceria para usar o sistema desenvolvido por eles, sem ônus para a implantação em Mato Grosso do Sul”, disse.

Coordenador da Rede Sincov/MS, Luis Carlos Morente, explicou que em Mato Grosso do Sul a gestão dos convênios não é digital, o que torna o processo mais demorado. A intenção é ter toda a documentação em um único ambiente virtual, que pode ser acessado por todas as secretarias e pelos municípios.

“Desde 2014 o Rio de Janeiro está operando com esse sistema. Todo o processo é digital. É muito mais ágil e também está pronto para garantir a transparência. É sair da Idade Média para a Era Digital”.

Paulo Fernandes – Subsecretaria de Comunicação (Subcom)

Foto: Denilson Secreta